BERKLEE - IMPROVISAÇÃO JAZZ PARA GUITARRA - Garrison Fewell

Uma Abordagem Melódica - Edição Em Português
R$ 94,99

Disponibilidade: Em estoque

Código: PASS002

Editora: Berklee - Passarim

Idioma: Português

Autor/Artista: Garrison Fewell

Instrumento: Guitarra

Formato: Livro / Partitura / Tablatura / 180 páginas / Áudio Online - 83 Faixas

Para os que não conhecem, gostaríamos de apresentar Garrison Fewell. Renomado guitarrista de Jazz e professor da Berklee College of Music, Formador de diversas gerações de guitarristas, não só através de suas aulas, mas também por meio dos seus livros. Com uma praticidade e eficácia ímpares, Garrison traduz a linguagem da Guitarra Jazz para algo simples e facilmente incorporável ao estilo de qualquer guitarrista.


Melodias baseadas nas tríades e extensões melódicas soam mais naturais do que aquelas baseadas em escalas. Este método explora todo o potencial das tríades e suas extensões melódicas e ensina como "juntá-las" utilizando um guia de tons. Você vai aprender a criar solos no estilo dos mais famosos guitarristas de Jazz, como: Wes Montgomery, George Benson, Grant Green, Kenny Burrell, e Pat Martino.


A Berklee College of Music é hoje a maior e mais renomada faculdade de música do mundo. Sua editora, a Berklee Press, segue a mesma estica, com mais de 150 títulos lançados em todo o mundo, abordando os mais diversos tópicos dentro do universo da música.

Um dos segmentos mais reconhecidos da Berklee Press é o dos livros específicos para cada instrumento, mergulhando a fundo nos detalhes estilísticos, técnicos e teóricos de cada instrumento e oferecendo estudos de todas as profundidades para qualquer instrumentista. Um dos grandes destaques é o mundo da guitarra Jazz, o qual a própria Berklee ajudou a desenhar. Os maiores nomes do Jazz moderno na guitarra saíram de lá, como John Scofield, Pat Metheny, Mike Stern, Kurt Rosenwinkel, Bill Frisell, entre muitos outros.

Garrison Fewell é um desses nomes.

A Editora Passarim apresenta aqui um dos livros mais importantes desse segmento. Nele o autor conseguiu capturar a essência estilística desse gênero para a guitarra, desconstruindo a maneira de tocar dos nomes mais tradicionais do instrumento e possibilitando, assim, que o leitor não só entenda a 'linhagem' da guitarra jazz, mas consiga também incorporar os principais elementos dessa linguagem, atingindo novos horizontes tanto em termos de técnica e prática quanto de improvisação e interpretação estilística.