A ESTRUTURA DO CHORO - Carlos Almada

R$ 44,99

Disponibilidade: Em estoque

Código: ECCA

Editora: Wide Brasil

Idioma: Português

Autor/Artista: Carlos Almada

Instrumento: Todos

Formato: Livro / 96 páginas

UPC: 9788598595030

Carlos Almada apresenta um estudo aprofundado sobre este gênero musical, um dos mais valiosos patrimônios culturais brasileiros, já com quase 150 anos de existência. Com aplicações diretas na composição, no arranjo e principalmente na improvisação, as informações e exercícios contidos neste livro permitem que até mesmo um músico sem maiores familiaridades com o gênero torne-se um chorão em potencial, após obter um relativo domínio da linguagem.


PREFÁCIO:

Fazer música popular é improvisar!

Cada solista ao tocar um choro de repertório já conhecido e bastante difundido, altera uma nota ou outra, a seu bel prazer na exposição do tema. O próprio arranjo orquestral também é uma improvisação sobre um tema.

Os músicos de outros gêneros - música erudita ou jazz - , nem sempre têm noção da forma do choro: este "rondó incipiente", que tem tradicionalmente três sessões. Há saltos e voltas que fazem com que ele termine por ter cinco partes. E muitos dos estudantes que eu encontro em oficinas de música têm a preocupação em saber o que é a improvisação no choro, como fazê-la sem cair no jazz. E sempre recomento que ouçam os grandes mestres da autenticidade brasileira, como Pixinguinha, Jacó do Bandolim, Dino Sete Cordas, Raphael Rabello, Zé da Velha. São estes que dominam a rítmica que dialoga com os tambores de nossa tradição africana e com o contracanto da melodia.

Agora posso acrescentar novas referências às minhas oficinas de música brasileira: "A Estrutura do Choro", de Carlos Almada. Este trabalho, que esclarece tão bem o momento adequado onde estas improvisações devem ocorrer, nos faz recordar que o improviso, tradicionalmente, é uma paráfrase da melodia e não uma derivação que se torne, em si, uma outra composição.

O lançamento deste trabalho de Almada é extremamente oportuno: traz a matéria de reflexão para os que consagram à composição e arranjo, elucidando a estrutura do choro; esclarece os músicos de todo o mundo que já manifestam seu decidido interesse por essa música instrumental e vai ao encontro das novas gerações.
Paulo Moura

SUMÁRIO:

Apresentação

Parte I -   Estudos com arpejos
Harmonia
Forma
Ritmo
Exercícios
Ritmo & Forma
Exercícios
Harmonia & Forma
Exercícios

Parte II - Estudos com as fórmulas de inflexões
     1. Introdução
     Exercícios 33
     2. Fórmulas de inflexões 
     2.1. Fórmula de inflexões A
     2.2. Fórmula de inflexões B
     2.3. Fórmula de inflexões C
     2.4. Fórmula de inflexões D
     2.5. Fórmula de inflexões E
     2.6. Fórmula de inflexões F

Parte III - A variação no choro
Exercícios
Exercício final

Apêndice I - Anacruses

Apêndice II - Finalizações típicas

Apêndice III - Algumas orientações para a elaboração de
Arranjos de choros

Glossário

Bibliografia